sábado, novembro 11, 2006

As Saudades que Eu Já Tenho Do Meu Rico Escudinho


Deu-me uma crise de nostalgia, de repente tenho saudades do tempo do escudo.

Tenho saudades de quando as empresas têxteis estavam em dificuldades e graças às desvalorizações até com os chineses seriam capazes de concorrer. Tenho saudades do tempo em que a inflação tinha dois dígitos e o primeiro era o dois. Tenho saudades de quando não havia problemas orçamentais, nunca faltava dinheiro ao Estado, o único problemazinho que tínhamos era a balança comercial.

Era um tempo simpático, tão simpático que até o PSD era socialista, o Carrapatoso ainda andava no liceu, o Cavaco tinha sotaque de Boliqueime, e o Jerónimo de Sousa ainda era metalúrgico.
Que maravilha de tempo esse, se a coisa dava para o torto na balança comercial acordávamos com uma desvalorização, coisa que nem ocupava o tempo do café em discussão, a nossa indústria passava logo a ser competitiva e durante uns dias o nosso dinheiro mesmo desvalorizado ainda valia mais do que o dólar, pelo menos enquanto havia stocks.

E se ninguém pagava impostos bastava acelera um pouco mais as rotativas da Casa da Moeda que o problema se resolvia, nem empresas nem trabalhadores se queixavam dos impostos, não havia nem evasão fiscal nem devedores ao fico em listas na Internet, aliás, não havia Internet, coisa que só foi inventada muito mais tarde graças ao Simplex.

Com a inflação nos dois dígitos e aumentos na mesma proporção, depois de doze meses a apertar progressivamente o cinto passava dois com a sensação de nadar em dinheiro. Andávamos felizes, se os trabalhadores se faziam greves era mais a pensar na revolução do que na devolução do que tinham perdido, os sindicatos iam de vitória em vitória.

Agora é uma seca, para que as empresas ganhem produtividade temos que apertar o cinto, se não pagam impostos temos que apertar o cinto, se o Estado gasta em excesso temos que apertar o cinto. A política económica já não tem graça, não passa de uma escolha adequada do buraco do cinto mais adequado às circunstâncias.

Até as notas de escudo eram mais simpáticas, tínhamos lá os nossos heróis e não a mistura da Ponte Vasco da Gama com a Torre de Piza. Não valiam muito mas tínhamos muito orgulho nelas, até eram das mais bonitas do mundo, e se não fosse o Alves dos Reis até eram as mais seguras, não valiam muito mas eram seguras, não se desfaziam como as notas de Euro, como sucedeu na Alemanha.

Tenho saudades do escudo, era Ada vez mais pobre mas ao menos empobrecia feliz e sem dar por isso.

Umas no Cravo e Outras Tantas na Ferradura

FOTO JUMENTO

Feira da Ladra, Lisboa

IMAGEM DO DIA

[Smithsonian / AP]

«Noche en la Tierra. Fotografía que muestra el planeta Tierra desde el espacio. Forma parte de la exposición La Tierra desde el Espacio del Museo Nacional del Aire y el Espacio de Washington.» [20 Minutos Link]

JUMENTO DO DIA


O "Estalinezeco" de Lisboa

Parece que o PS tem um "Estalinezeco" à frente da sua concelhia de Lisboa, alguém que acha que as grandes figuras (mesmo aquelas que, como Manuel Maria Carrilho, nunca perceberemos porque são "grandes") não podem ser alvo de críticas, mesmo quando as merecem. E como o vereador Nuno Gaioso Ribeiro ousou dizer de Carrilho aquilo que muitos lisboetas pensam, foi condenado numa assembleia com votação de braços no ar (quando foi o próprio PS que impôs o voto secreto nos partidos), depois seguiu-se a eliminação do seu nome na lista do PS e, por fim, foi-lhe retirado o gabinete que, tanto quanto se sabe, é propriedade da autarquia. Não faço ideia de quem é o ilustre "Estalinezeco", mas em vez de neste momento estar no congresso do PS, em Santarém, deveria ter sido expedido para uma visita de estudo à Coreia do Sul, onde poderia encontrar muitos políticos que partilham as suas práticas políticas.

PS: Entretanto, estou a ver a SIC Notícias a entrevistar Capoulas Santos com este a assegurar que no PS ninguém é perseguido ou sofre qualquer punição por fazer as suas críticas, realçando que estas podem ser feitas em público ou privado. É óbvio que isso não é verdade ou então só se aplica aos notáveis.

UNIDADE EM JERUSALÉM

Pela primeira vez os cristãos, judeus e muçulmanos uniram-se em Jerusalém, não o fizeram pela paz, pela vida, pelo estado palestiniano, pelo fim das mortes na Cidade Santa, fizeram-no para impedir um desfile gay. As religiões que não se conseguem entender em defesa pela tolerância, juntaram-se espontaneamente para promover a intolerância.

A DERROTA DOS SINDICATOS

Ninguém acredita nos 80% de adesão à greve divulgados pelos sindicatos, não soube de nenhum serviço com um grande número de funcionários que tenha atingido tal percentagem, embora admita que tal possa ter ocorrido muitos casos. Mas para que a média chegasse aos 80% seria necessário que a adesão em muitos serviços tivesse atingido valores próximos dos 100%, para compensar os muitos onde, como na escola da minha filha, nem se deu pela greve (ao contrário do que havia sucedido em ocasiões anteriores). Também não acredito nos números oficiais, ainda que tenha toda a confiança na honestidade intelectual do secretário de Estado da Administração, pessoa que conheço razoavelmente bem, e ainda que saiba que nos dias de greve sobem exponencialmente outras justificações de faltas.

É evidente que muitos serviços fecharam, mas todos sabemos que para um serviço fechar não é necessário que haja uma grande adesão. Recordo-me de um jogo de futebol em que participava o Benfica, que não se realizou porque o funcionário da CM de Vila Real de Santo António que deveria abrir as portas do estádio estava em greve.

Mas o país não parou, Lisboa não ficou paralisada com engarrafamentos devidos à greve solidária dos transportes, uma boa parte da opinião pública só deu pela greve através das televisões. Esta greve teve mais impacto no bolso dos funcionários públicos do que na opinião pública, ao contrário do que havia sucedido com as manifestações.

E se uma greve não é bem sucedida estamos perante o risco de o poder deixar de recear os sndicatos. Se eles já não são grande coisa, ficam totalmente desacreditados com uma greve mal sucedida. As sondagens provam-no, Sócrates nunca teve tão boa imagem.

OS FUNCIONÁRIOS PÚBLICOS SÃO MAL PAGOS

É a conclusão de um estudo encomendado pelo Governo:

«O estudo tem a data de Maio de 2006 e foi feito pela Capgemini, uma das cinco maiores empresas mundiais de consultoria, com 63 mil colaboradores em todo o Mundo e escritórios em Portugal, mas como vai contra a ideia de os funcionários públicos serem bem pagos em relação aos que trabalham no privado foi escondido pelo Governo. Isto mesmo apontou o presidente do Sindicato dos Quadros Técnicos do Estado (STE), pertencente à UGT, que teve acesso a alguns comparativos, sempre desfavoráveis à Função Pública, conforme quadro publicado em baixo. » [Correio da Manhã Link]

Despacho do Director-Geral do Palheiro: «Pergunte-se ao ministro qual é o critério para a divulgação dos estudos encomendados pelo governo, e ao dirigente do sindicato pergunte-se se precisou do estudo para o saber, já que nunca o vi contestar essa falsa verdade.»

QUEM SE METE COM O CARRILHO LEVA

É uma vergonha o que estão a fazer a um vereador do PS na CM de Lisboa:

«A história conta-se em poucas palavras: de uma assentada o vereador Nuno Gaioso Ribeiro, eleito nas listas do PS, perdeu o seu gabinete nos Paços do Concelho e foi ‘apagado’ da página oficial do partido na Câmara Municipal de Lisboa. A sua foto só está, agora, na listagem de vereadores da autarquia da capital.» [Correio da Manhã Link]

«No início do actual mandato, a presidência da Câmara de Lisboa negociou com os líderes dos partidos da oposição a atribuição de meios, como veículos, gabinetes e pessoal de apoio, a que estes tinham legalmente direito. No caso socialista, Carrilho, como líder, era o responsável máximo pela negociação e distribuição dos meios.» [Diário de Notícias Link]

Despacho do Director-Geral do Palheiro: «Pergunte-se ao presidente da concelhia do PS de Lisboa se vai estar no congresso do PS em Santarém, ou se não acha mais adequado ir ao encontro dos partidos comunistas que se realiza no hotel Metropolitano, em Lisboa.»

PORTUGAL ESTÁ A ANDAR

Para trás:

«Portugal ocupa o 28.º lugar do índice mundial de desenvolvimento humano, elaborado pelo Programa das Nações Unidas para o Desenvolvimento Humano (PNUD). A Noruega lidera, pelo sexto ano consecutivo, a lista de 177 países analisados no Relatório do Desenvolvimento Humano 2006, ontem divulgado na Cidade do Cabo, África do Sul.Em relação ao ano passado, Portugal desceu uma posição no ranking que avalia o desenvolvimento das populações com base em três dimensões uma vida longa e saudável (medida na esperança de vida), a educação (níveis de literacia dos adultos e taxa de matrícula nos ensino básico, secundário e superior); e o padrão de vida (rendimento de paridade do poder de compra). O índice de desenvolvimento humano resulta da média ponderada destes factores, excluindo, portanto, indicadores importantes como o respeito pelos direitos humanos. » [Jornal de Notícias Link]

Despacho do Director-Geral do Palheiro: «Dê-se conheciemento a Durão Barroso.»

UMA FALAHA TÉCNICA

Diz o governo israelita:

«O ataque que matou 18 civis no Norte de Gaza foi "um erro", uma "falha técnica", admitiu ontem o primeiro-ministro israelita. Ehud Olmert quer um encontro com o presidente da Autoridade Palestiniana, Mahmoud Abbas, a quem tem "muito para oferecer".» [Público Link]

Despacho do Director-Geral do Palheiro: «Informe-se o embaixador de Israel que nos países civilizados a actuação dos seus militares se designa por assassínio a sangue frio.»

PAPA PIN-UP?

Papa vai servir de modelo para calendário, o que vai levar muita gente a desejar que chegue o fim do ano:

«He already has been spotted as a fashion follower, from his signature shades and shoes, to his ermine trimmed velvet robes, but now Pope Benedict XVI is trying his hand at modeling for a 2007 calendar to come out later this month.» [Sun-Times Link]

A ARTISTA MAIS BEM PAGA DA ROMÉNIA

Tem 4 anos:

«La cantante Cleopatra Stratan, de 4 años, es la artista mejor pagada de Rumanía, con una remuneración por minuto de 300 euros, lo que supone un sueldo medio mensual en el país balcánico.» [Infobae.com Link]

PROFESSORES MANIFESTAM-SE CONTRA VIOLÊNCIA ESCOLAR

Em Barcelona:

«Unos 800 profesores, según la Guardia Urbana, y unos 1.000 según los organizadores, se han manifestado en la plaza Sant Jaume de Barcelona para mostrar su rechazo al problema de la violencia en los centros escolares y pedir el apoyo "total e inmediato" de las administraciones.» [El Mundo Link]

AINDA EXISTEM DÚVIDAS DE QUE A BANCA SE ESCAPA AOS IMPOSTOS?

A PT paga muito mais IRC do que a banca:

«A Portugal Telecom (PT) paga uma taxa efectiva de IRC de 38,4 por cento. A revelação foi feita ontem pelo Administrador Financeiro, Luís Pacheco de Melo e confirmada ao CM por Zeinal Bava, presidente da PTMultimédia. No seu balanço consolidado, a PT SGPS tem inscrito 323 milhões de euros de impostos a pagar ao Estado. A taxa média efectiva paga pela PT SGPS é uma soma das taxas médias pagas pelas diferentes empresas do Grupo. Assim, por exemplo, a TMN paga uma taxa média efectiva de IRC de 27,5 por cento, o mesmo que é pago pela PTC. A taxa sobe em virtude de a empresa brasileira VIVO ter uma taxa de 34 por cento e apresentar prejuízos.» [Correio da Manhã Link]

Despacho do Director-Geral do Palheiro: «Dê-se conhecimento a Marques Mendes e Ribeiro e Castro.»

A PRÓXIMA ARMA DO OPUS DG?

Na Índia mandam eunucos persuadir os devedores mais reticentes a pagar impostos:

«Tax authorities in one Indian state are attempting to persuade debtors to paying their bills - by serenading them with a delegation of singing eunuchs. » [BBC Link]

Despacho do Director-Geral do Palheiro: «Dê-se conhecimento ao Dr. Paulo Macedo.»

THE BIG NOSE APRECIATION PAGE [Link]

MORO JENOE [Link]

FOXXXI'S [Link]

LEBEDEFF [Link]

JENNI TAPANILA [Link]

GUITAR MANIA CACTUS [Link]

PRE-SCHOOL POLITICAL AD

NOIVO EXEMPLAR

JOGO DE XADRÊS PARA TERRORISTAS

ILGA PORTUGAL

GUITAR-VILLAGE

WHITE GLO

[2][3]