sábado, dezembro 23, 2006

Um natal para esquecer


Felizmente nasci a tempo de não ter que enfrentar a guerra colonial, escapei-me a uma ida a África ou à deserção, desses tempos recordo as horas infindáveis de televisão mostrando filas de militares a dizerem que estavam todos muito bem, a desejar um Bom Natal aos familiares e a terminarem a mensagem com o inevitável “adeus e até ao meu regresso”. Eram natais sem esperança, as prendas eram a utilidades do costume, os chocolates repetiam-se de ano para ano, os pequenos bombons nacionais, e os chocolates da Regina, o “coma com pão” as sombrinhas e as barras.

Recordo-me dessa época porque de ano para ano estamos a regressar a natais sem esperança, não há guerras domésticas mas num mundo globalizado não podemos ficar indiferentes, é um mundo onde se multiplica a guerra a miséria, um mundo onde a Guerra Fria deu lugar às guerras da família Bush cujo primogénito decidiu brincar aos cowboys usando o mundo como quintal das suas brincadeiras.

Perante tanta miséria e sofrimento humano à escala mundial, e com tanto português a passar por dificuldades sinto alguma vergonha em queixar-me, afinal faço parte do pequeno grupo de privilegiados, participo nos imensos engarrafamentos que nesta semana transformaram Lisboa num inferno, participo nas hordas de compradores de olhar esgazeado que empaturram os corredores dos centros comerciais, compro os molhos de grelos que irão acompanhar o bacalhau a dez euros.

Não gosto de resolver os meus problemas de consciência com hipocrisia natalícia, mas reservo para esta quadra para encher as baterias da esperança, um momento em que paro para não pensar e concluir que o mundo ou o país vai ser melhor. Mas não, nestes anos a ausência de esperança tem-se juntado ao que resta dos hábitos de outros anos, sei que os próximos anos serão maus e, piro do que isso as futuras boas notícias não serão para mim, o meu sapatinho, como o de muitos portugueses, estará vazio de futuro, tenho três das piores qualidades que um europeu pode ter, sou português, vivo em Lisboa e ainda por cima sou funcionário público. Terei que pagar pelos desmandos dos políticos que temos escolhido, pagar taxas e impostos por tudo e por nada e carregar com anátema de ser o culpado de todos os males que sucederam a este país.
Ainda assim, há que fazer um sorriso, ter esperança e cumprir com todos os rituais a que a época obriga.

PS: O palheiro está aberto no Natal e Ano Novo, esta coisa de ter bichos para alimentar...

Umas no cravo e outras tantas na ferradura

FOTO JUMENTO

Boneco de restaurante, Lisboa

IMAGEM DO DIA

[Paul Kingston / Reuters]

«En el belén. El primer ministro británico, Tony Blair, visita el centro infantil de Wingate Sure Start en el condado de Durham al noreste de Inglaterra.» [20 Minutos Link]

JUMENTO DO DIA


O submarino

Nuno Melo funciona como o submarino de Paulo Portas dentro do CDS, um fraco papel para um jovem político que evidencia tantas ambições

CLUBE PORTUGAL

São mais os benfiquistas que se recusam a comprar um produto que patrocine o Sporting do que os que evitam comprar um produto de uma marca que tenha prejudicado o país, como sucedeu recentemente coma General Motors cuja fábrica encerrou esta semana, transferindo a produção para Espanha. Às desvantagens competitivas da economia portuguesa soma-se a ingenuidade dos portugueses enquanto consumidores, estes dão mais importância ao Benfica ou ao Sporting do que ao país enquanto "clube".

É evidente que um boicote à Opel poderia desempregar algumas dúzias de trabalhadores, uma parte dos quais seriam absorvidos por outras marcas, mas a eliminação da Opel no mercado português teria obrigado a General Motors a fazer outras contas e levaria outras multinacionais a terem mais cuidado nas suas decisões.

Talvez esteja na hora de os consumidores, individual ou colectivamente, começarem a usar o poder que têm. Isso é válido para os maus produtos, mas também o é para empresas que promovam a corrupção, multinacionais que contribuam para o aumento do desemprego, bancos que tenham actuações oportunistas, etc..

CDS

O que se está a passar no CDS dá uma boa imagem dos valores democráticos de Paulo Portas, da forma como ele vê as instituições democráticas, do seu conceito de dignidade. Paulo Portas abandonou o CDS porque este deixou de lhe proporcionar o poder e agora que as coisas não lhe devem estar a correr bem, por cá já não é senhor ministro e na América os seus amigos estão a perder poder, opta por tratar o seu partido e o respectivo líder como se fosse um bordel.

Imaginem o que seria deste país se uma figura tão perversa chegasse ao cargo de primeiro-ministro.

O PAGAMENTO DAS AULAS DE SUBSTITUIÇÃO

Defendo as aulas de substituição ainda que tenha muitas dúvidas quanto ao modelo actual e mesmo em relação ao seu sucesso. E por aquilo que alunos, sindicatos e professores afirmam uma boa parte dessas supostas aulas de substituição não passam de sessões de casino, onde os alunos e professores jogam às cartas.

Agora que se coloca a hipótese de estas horas serem pagas como horas extraordinárias interrogo-me se os professores que se limitaram a entreter os estudantes com jogos de cartas devem receber essas horas enquanto tal ou como coupiers amadores.

UMA REFORMA INADIÁVEL

A do ensino superior, na opinião de António Vitorino:

«Este processo de reforma deve integrar-se em pleno no esforço de internacionalização das nossas universidades e politécnicos, na senda do preconizado pelo denominado "processo de Bolonha". Participar nas redes de gestão do conhecimento e do saber, definir parcerias com instituições homólogas estrangeiras para promover a mobilidade de estudantes e professores, inserir os nossos centros de investigação em projectos bilaterais ou de âmbito europeu para potenciar as oportunidades do VII Programa-Quadro de Investigação da União Europeia são objectivos centrais do necessário salto qualitativo de que carece urgentemente o nosso sistema de ensino superior. E consequentemente de que carece o nosso país no combate à perifericidade e ao empobrecimento, o que passa pela importância e pela qualidade do nosso ensino e da afirmação da nossa cultura no mundo global em que vivemos.» [Diário de Notícias Link]

Despacho do Director-Geral do Palheiro: «Afixe-se.»

UM EURO E TRINTA CÊNTIMOS

A crítica de Fernanda Câncio à lei do arrendamento urbano:

«A lei, naturalmente, não tem em conta nem a idade nem o rendimento do senhorio. Nem tão-pouco a hipótese muito provável de que, ao fim de décadas a receber valores de arrendamento que só podem servir para rir (ou chorar), não tenha meios para fazer face a encargos de reabilitação que se foram avolumando à medida que crescia a desproporção entre o que recebia e o que teria de pagar. Seria talvez pedir de mais a uma lei que compensasse décadas de injustiça, daquilo a que se pode, sem exagero, apelidar de enriquecimento de uns (a maioria dos arrendatários que beneficiaram de rendas congeladas) à custa do empobrecimento de outros (os senhorios). Ou que resolvesse, de uma assentada, o problema da decadência do edificado que esta situação causou. Mas a legislação em vigor nem sequer tenta disfarçar o vício de base que a enforma: o de tratar os senhorios como potentados económicos, como se fossem todos bancos ou companhias de seguros. Como se não houvesse senhorios na miséria, expiando o muito particular crime de um dia terem pensado lucrar com o arrendamento e a incrível burrice de não terem percebido que seriam toda a vida contribuintes líquidos, a fundo perdido, de uma concepção muito especial de justiça social.» [Diário de Notícias Link]

Despacho do Director-Geral do Palheiro: «Afixe-se.»

FALTA DE ÉTICA

Na gestão urbanística da CML:

«Afinal, enquanto director municipal de Gestão Urbanística, Pires Marques participou em vários processos de loteamento apresentados à Câmara de Lisboa pelo seu sócio, Victor Alberto. Além do projecto da Lismarvila, Pires Marques aconselhou a aprovação de um loteamento, na Rua Marquês de Olhão/Estrada de Marvila, no Beato, da autoria de Victor Alberto.» [Correio da Manhã Link]

Despacho do Director-Geral do Palheiro: «Sugira-se ao eng. Carmona que seja criterioso nas escolhas.»

MARQUES MENDES JÁ É UM "NÃO MINISTRO" COM PASTA

Muito curiosa a prenda de Natal que lhe foi dada pelos seus pares:

«O repasto, que decorreu ontem na sede nacional do partido, serviu para fechar uma semana difícil, no plano interno, para o líder. Foi também convidado o presidente do Conselho de Jurisdição, Guilherme Silva, o director do Povo Livre, entre outros. Um almoço sem discursos ou formalidades, selado pelo presente que a direcção do partido quis oferecer ao presidente: uma pasta.» [Correio da Manhã Link]

Despacho do Director-Geral do Palheiro: «Ofereça-se uma resma de papel a Marques Mendes para que a pasta dê ares de andar cheia de diplomas aprovados.»

POUCA DIGNIDADE

D administração da General Motors:

«A fábrica da General Motors da Azambuja montou ontem o último Opel Combo. O modelo, que era produzido em exclusivo pela unidade portuguesa, vai passar a ser montado a partir de finais de Fevereiro na fábrica da GM em Saragoça, Espanha. O desmantelamento da GM da Azambuja vai começar de imediato, com a recolocação da linha de produção e as ferramentas afectas ao Combo na fábrica espanhola. Ontem, o ambiente foi de tristeza e indignação, pelo facto de a administração se ter remetido ao silêncio e não ter ido às instalações para se despedir dos cerca de 1100 trabalhadores que a partir de hoje estão no desemprego. Até Março, ficam a trabalhar na desmontagem da unidade cerca de 50 trabalhadores.» [Diário de Notícias Link]

Despacho do Director-Geral do Palheiro: «Registe-se.»

INGENUIDADE

Do ministro da Agricultura:

«O ministro da Agricultura e Pescas, Jaime Silva, admitiu que algumas empresas do sector da pesca possam ser obrigadas a encerrar, por não serem competitivas. Esta advertência foi dada, na madrugada de ontem, em Bruxelas, no fecho de uma maratona negocial europeia para a fixação das quotas de pesca de 2007, onde os cortes previstos para a captura da pescada, em Portugal, acabaram por ser de 8 % , em vez dos 10 % previstos inicialmente.» [Diário de Notícias Link]

Despacho do Director-Geral do Palheiro: «Informe-se o ministro de quando faz este discurso está a assumir a responsabilidade política do encerramento de empresas que agora anuncia. Em vez de prever o encerramento o ministro deveria ter um discurso mais ambicioso e menos conformista.»

PROTESTO INSÓLITO

Palestinianos recusam-se a dar sangue quando os feridos não resultam de balas israelitas:

«Quando as balas são israelitas, o serviço de recolha de sangue do hospital Chifa, em Gaza, fica cheio. Mas quando os combates opõem os palestinianos uns aos outros, a população manifesta a sua oposição recusando estender o braço.

Para os numerosos feridos nos confrontos dos últimos dias entre o Hamas e a Fatah, o sangue pode começar em breve a faltar. "As nossas reservas estão ao nível mais baixo", lamenta o doutor Jumaa al-Saqqa, porta-voz do principal hospital da Faixa de Gaza. "As pessoas não querem dar sangue como costumam fazer durante as incursões israelitas. Porque não vêem motivo para isso", explica o médico.» [Diário de Notícias Link]

Despacho do Director-Geral do Palheiro: «Aprove-se.»

AO QUE CHEGÁMOS!

Estátua foi roubada e vendida a sucateiro:

«Uma escultura em bronze da autoria do escultor José Rodrigues foi furtada anteontem à noite da Praça de Lisboa, no Porto, por indivíduos que a venderam por pouco mais de 100 euros a um sucateiro. A obra de arte, com mais de 300 quilos de peso, foi recuperada poucas horas depois pela Polícia Judiciária (PJ) do Porto, mas já estava completamente retalhada e pronta a ser fundida. Foram detidos um dos autores do furto e o sucateiro receptador do material.» [Jornal de Notícias Link]

Despacho do Director-Geral do Palheiro: «Metam-se os ladrões mais o sucateiro no forno.»

FREITAS DO AMARAL JÁ ESTÁ CURADO

Da A6:

«O ex-ministro dos Negócios Estrangeiros Freitas do Amaral admitiu esta quinta-feira o regresso à vida política e de vir a ponderar um eventual convite para ingressar num Governo liderado por José Sócrates, escreve a Lusa.» [PortugalDiário Link]

Despacho do Director-Geral do Palheiro: «Sugira-se a Freitas que não volte ao local do crime.»

DESCULPA IDIOTA

A que foi dada pelos sindicalistas para justificarem o falhanço da greve dos transportes públicos do Porto:

«Em declarações à Lusa, Manuel Alves, do STRUN, atribuiu a fraca adesão dos trabalhadores ao facto da greve não ter sido comunicada de forma eficaz e atempada. "Estivemos até ao final do dia de ontem [quinta-feira] reunidos com o conselho de administração a tentar evitar esta greve, mas tal não foi possível dada a intransigência da gestão da empresa", disse Manuel Alves.» [Público Link]

Despacho do Director-Geral do Palheiro: «Pergunte-se aos dirigentes sindicais se as sedes dos sindicatos estão em África.»

O TRISTE ESPECTÁCULO DO MINISTÉRIO PÚBLICO

As certidões do Apito Dourado deverão estar algures numa estação de serviço da auto-estrada:

«Onze meses após terem sido extraídas as certidões que o procurador adjunto Carlos Teixeira remeteu para o Departamento de Investigação e de Acção Penal de Lisboa, ainda não tinham começado as investigações. O magistrado a quem o expediente foi distribuído entendeu que a competência dos inquéritos era de Gondomar, mas Carlos Teixeira também os rejeitou. E ninguém sabe onde as certidões estão actualmente, presumindo-se que em trânsito entre Gondomar e Lisboa. » [Público Link]

Despacho do Director-Geral do Palheiro: «Solicite-se comentário a Souto Moura.»

O PSD LÁ FEZ O FRETE

Ao glorioso líder do Atlântico Sul:

«O PSD entregou ontem no Tribunal Constitucional (TC) o pedido de fiscalização preventiva da nova lei das finanças regionais, aprovada pelo Parlamento a 30 de Novembro, disse à Lusa Guilherme Silva. Segundo o deputado, no "extenso" documento entregue no TC, o PSD alega a existência de várias inconstitucionalidades na nova lei, aprovada por PS e CDS-PP. Entre as inconstitucionalidades apontadas está a alegada violação de diversas disposições da Constituição e do Estatuto Político-Administrativo das Regiões Autónomas, nomeadamente no que se refere às transferências anuais do Estado para cada uma das regiões, aquelas não podem ser inferiores às transferências do ano anterior. Para Guilherme Silva, o novo diploma "viola igualmente um princípio do Estado de direito democrático que é não alterar as regras do jogo financeiro a meio da legislatura". Contestado é também o fazer depender de um decreto-lei "os poderes tributários que são conferidos aos governos regionais".» [Público Link]

Despacho do Director-Geral do Palheiro: «Mande-se cópia para a loja dos sifões do Funchal.»

MOHAMMED É UM NOME MAIS POPULAR DO QUE GEORGE

No Reino Unido:

«Mohammed, and its most common alternative spelling Muhammad, are now more popular babies' names in England and Wales than George, reflecting the diverse ethnic mix of the population.

The Office for National Statistics said there were 2,833 baby boys called Mohammed in 2006.» [Telegraph Link]

VATICANO NEGA FUNERAL RELIGIOSO

A um doente terminal que pediu ajuda para o desligarem da máquina:

«El Vicariato de Roma decidió "suspender" el funeral religioso de Pergiorgio Welby, el enfermo terminal que murió el pasado miércoles cuando un médico le desconectó el respirador artificial, porque "el caso es demasiado clamoroso en toda Italia", aseguró su viuda. » [20 Minutos Link]

AL QAEDA DÁ UM MÊS AOS EUA

Para abandonarem o Iraque:

«La rama de Al Qaeda en Irak dio a EEUU un plazo de un mes para que retire a sus tropas de Ira, y exigió a Washington que responda en dos semanas, según una cinta de audio divulgada hoy en internet, informó la televisión por satélite Al Yazira.

Según la televisión, la propuesta fue hecha por Abu Omar al Bagdadi, emir de la autoproclamada "República Islámica de Irak", controlada por la rama de la red terrorista en ese país árabe.» [20 Minutos Link]

ASSEMBLEIA NACIONAL REÚNE SEM FIDEL

Pela primeira vez:

«La Asamblea Nacional del Poder Popular (Parlamento) de Cuba inició hoy su última sesión ordinaria del año sin la presencia de Fidel Castro.En su lugar se encontraba el presidente interino de la isla, Raúl Castro.

Es la primera reunión del Parlamento que preside Raúl Castro, después que el 31 de julio pasado, el líder de la revolución, Fidel Castro, le transfirió provisionalmente sus cargos a causa de su convalecencia de una cirugía intestinal, lo que le ha impedido estar presente en la sesión.» [20 Minutos Link]

Despacho do Director-Geral do Palheiro: «Digamos que já há progressos em Cuba.»

NÃO MINTAS AO FALAR NO SKYPE

Foi desenvolvido um software que funciona como detector de mentiras

«Si usas, Skype, el servicio de telefonía a través de Internet que fundaron los creadores de Kazaa, y tienes por costumbre... mejorar la realidad o directamente engañar a tus amigos como a chinos, cuidado. Tu interlocutor no necesita recurrir a complicadas máquinas como las que hurgan últimamente entre la telebasura. Le basta con tener instalado "KishKish Lie Detector", un plugin para Skype que dirá si estás mintiendo.» [El Pais Link]

OS CONSELHOS DE RICHARD ECKAUS (MIT)

Para a economia portuguesa passam pela progressividade fiscal:

«Desde 1973 que Richard Eckaus acompanha a evolução da economia portuguesa. Em entrevista realizada à margem da conferência "Challenges Ahead for the portuguese Economy", organizada pela Fundação Calouste Gulbenkian, Fundação Luso-Americana para o Desenvolvimento e Banco de Portugal, o professor do MIT reconhece que o país enfrenta actualmente "escolhas muito difíceis". Sistema fiscal mais progressivo, contenção salarial, reforma na educação e regulação mais amiga do investimento são alguns dos conselhos do economista que, na semana passada, foi condecorado pelo Presidente da República pelo papel de conselheiro que desempenhou a seguir à revolução.» [Diário de Notícias Link]

Despacho do Director-Geral do Palheiro: «Aprove-se.»

PETIÇÃO CONTRA A TLEBS ULTRAPASSA AS DUAS MIL ASSINATURAS

Está de parabéns o nosso amigo José Nunes, o autor de "Os Dedos" [Link], pelo sucesso da petição [Link]. Pessoalmente ainda não assinei, optei por primeiro comprar uma gramática para melhor perceber o debate que por aí ai.

NO 'RESTAURADOR DA INDEPENDÊNCIA' [Link]

Houve escolhas para os Conjurados de 2006 e coube a'O Jumento o Conjurado de Ouro 2006 para o "Melhor Blogue Português" e "Melhor Blogue Individual Masculino" e ainda um quarto lugar para o "Melhor Template".

Aqui ficam os agradecimentos para o Restaurador.

EXTREME INSTABILITY [Link]

Imagens de tempestades.

ERIC NGUYEN'S HOMEPAGE OF METEOROLOGY AND STORM OBSERVATION [Link]

SEASON'S SCULPING [Link]

Faça a sua escultura no gelo.

INCOMMUNICADO [Link]

JAN MLCOCH [Link]

ELENA REGUSH [Link]

SHURELO [Link]

OS 100 SITES MAIS ÚTEIS [Link]

Segundo o jornal britânico "Guardian".

THE 12 DAYS OF CHRISTMAS The 12 Days of Christmas

Da "You Tube Community Choir".

CARNEIRO ZANGADO

SPRINKLE BRIGADE [Link]

BALTIC FCB

DIGITAL

[2][3]

PEDIGREE

[2][3]