sábado, janeiro 10, 2009

Os políticos gostam de graxa


A graxa é quase uma instituição nacional, a figura do “graxista” está sempre presente nas nossas vidas desde a mais tenra idade, há graxistas desde a escola primária. Não sei se a importância deste comportamento na nossa sociedade é uma herança dos tempos da ditadura, onde era quase uma instituição, ou se faz parte da nossa forma de ser portugueses.

O graxista é, em regra, um indivíduo que prescinde da sua dignidade para obter proveitos exibindo uma postura de subserviência e lealdades caninas, desta forma obtém como contrapartida a simpatia de quem manda, permitindo-lhe obter ganhos para além dos que alcançaria com as suas capacidades ou com manifestações de dignidade.

Os tais graxistas a que nos habituámos na infância vamos encontrá-los ao longo da vida, principalmente no emprego, onde dar graxa pode resultar em proveitos adicionais. Há graxistas por todo o lado mas em especial na Administração Pública já que as empresas vivem dos resultados e não podem prescindir dos mais capazes em favor dos graxistas.

Onde há mesmo uma grande concentração de graxistas é nos cargos dirigentes da Administração Pública e nos gabinetes de membros o governo e dos autarcas. Não admira que na burocracia interna do Estado sejam frequentes expressões como “VEXA melhor decidirá”, “à consideração superior” e muitas outras, desnecessárias mas que servem como manifestação permanente de obediência.

Os gabinetes do poder estão mesmo pejados de aduladores dos governantes e autarcas, gente a quem não passa pela cabeça a mais pequena critica ao “chefe” e que se desdobram em gestos de subserviência. Os boys acabam por ser a reencarnação política dos graxistas que conhecemos na escola primária.

A necessidade de bajular o político é tão grande que leva a que muita gente perca a noção da realidade, os próprios políticos vivem num mundo em que são considerados quase deuses, não sendo raros os que só se apercebem, do que o povo pensava mesmo deles no dia das eleições.

Não admira que num mesmo dia possa ler no Diário de Notícias que no Instituto de Emprego e Formação Profissional os candidatos a funcionários tenham de ler um discurso de Sócrates e que o chefe da Casa Civil da Presidência da República se tenha queixado do jornalista a Mário Crespo. O presidente do IEFP decidiu dizer a Sócrates que o admira tanto que os funcionários do instituto se devem omportar como membros da Mocidade Portuguesa. O chefe da Casa Civil do Presidente da República entendeu que num jornal os jornalistas devem fazer os possíveis para cair nas graças do patrão e se este é do PSD devem ser simpáticos com todos os da família política.

Umas no cravo e outras na ferradura

FOTO JUMENTO

Arraiolos

IMAGEM DO DIA

[Mohammed Salem / Reuters]

«Panorámica de Gaza durante un ataque del ejército israelí.» [20 Minutos]

JUMENTO DO DIA

A "fonte" da Presidência da República

Desde que Cavaco Silva é Presidente da República que o Palácio de Belém intervém na política nacional: através das posições do Presidente da República e pelas bocas da "fonte" da presidência, que umas vezes é desmentida e outras não, aliás, a maioria das vezes a mensagem passa sem qualquer desmentido. O caso mais famoso e ridículo foi a famosa comunicação que o Presidente fez a propósito do Estatuto dos Açores que foi divulgada pelo Público com base na famosa "fonte". Já quando o Expresso escreveu que os assessores da PR fizeram pressões para que os cavaquistas escolhessem Manuela Ferreira Leite para candidata à liderança do PSD a notícia foi desmentida, mas a verdade é que o jornal tomou posição mantendo o que disse.

A verdade é que a Presidência da República tem usado e abusado da famosa "fonte" para mandar recados, fazendo política com base no. É lamentável como, aliás, já aqui foi dito várias vezes.

Desta vez a PR foi mesmo obrigada a emitir um comunicado para desmentir as acusações de Mário Crespo, algo que mais tarde ou mais cedo teria de acontecer. A calhandrice não é a forma mais legítima e transparente de fazer política e apenas se lamenta que a Presidência use este estratagema para poupar Cavaco Silva a intervenções públicas incómodas.

PAI BIOLÓGICO

Com o caso Esmeralda parece que até provem que são muito amorosos todos os pais são apenas pais biológicos e que enquanto tal a paternidade pode ser alvo de uma opa de amor. Aliás, não entendo porque razão os jornalistas não se referem ao pai por simplesmente pai e aos "pais de amor" por candidatos à adopção, para não dizer raptores candidatos a uma adopção ilegal. Não entendo também porque se referem ao pai por "pai biológico" e a Aidida Porto por mãe.

AVES DE LISBOA

Toutinegra-de-cabeça-preta [Sylvia melanocephala]

O PLANO DE SÓCRATES

«Sócrates já começou a preparar activamente a próxima eleição geral. É hoje a única política dele e do Governo. Primeiro, como se esperaria, tratou do congresso, donde tenciona sair com um apoio unânime e, se possível, isolar a franja radical e Manuel Alegre. Isto implicava a cooptação da "esquerda" e ele percebeu. António Costa, um antigo apoiante de Alegre, vai ser o "coordenador" da "moção de estratégia", entregue a uma "equipa" em que também entra mais gente de Alegre (Vera Jardim, Osvaldo de Castro, Alberto Martins, Santos Silva e Jorge Lacão) e alguma gente de Ferro (Vieira da Silva e Pedro Adão e Silva). Um pequeno grupo que pensava apresentar uma moção concorrente (Paulo Pedroso, Maria de Belém, Ana Gomes, João Cravinho e por aí fora), e que desistiu por falta de "condições", acabou por aceitar o compromisso oficial. Uma parte foi para a comissão de Costa. Outra parte, pensando com certeza no seu próprio futuro, deu por garantido um "debate sério".

Ficaram de fora Manuel Alegre e João Soares. Mas Manuel Alegre não tem tropas que cheguem no PS e ou pura e simplesmente não se candidata, ou continua no seu canto, fatalmente ao lado do BE, a falar para fora do partido - um papel "odioso" em ano de eleições. Quanto a João Soares, não passa de um resíduo, sem consequência. Ao contrário de Ferreira Leite, Sócrates conseguiu pôr ordem na casa e proteger a sua retaguarda. Agora, o eleitorado descontente do PS ou vota no PC ou no BE, o que é pouco provável, ou decide não votar, o que, prejudicando Sócrates, não o impede de procurar uma contrapartida à direita.

Desta óptima posição táctica, Sócrates resolveu avançar para a fase seguinte do exercício: antecipar as legislativas para 19 de Julho. Porquê? Por duas razões. Primeira, porque a crise piora dia e dia e o tempo está evidentemente contra ele. E, segunda, porque em cinco meses não há maneira de Ferreira Leite unir e disciplinar o PSD. A ideia é perfeita. Sobretudo porque o PSD, com a sua usual incompetência, não a rejeitou logo. Paulo Rangel disse que "não a descartava", nem "deixava de a descartar", Pedro Passos Coelho que "não via nenhum mal" na coisa e só depois, muito depois, Ferreira Leite recusou terminantemente a manobra. Claro que a decisão é de Cavaco. Mas Cavaco hesita entre uma nova maioria absoluta e um parlamento dividido - e com certeza não quer um ano de agitação de "rua". De resto, o PC, o CDS e Bloco ainda não se pronunciaram.» [Público assinantes]

Parecer:

Por Vasco Pulido Valente.

Despacho do Director-Geral do Palheiro: «Afixe-se.»

UM AVÉ AO ARREBOL

«Sim, sim, pode não existir o pecado do lado de baixo do Equador. Mas na Escandinávia as pessoas também não se enrolam menos, nem se sentem mais culpadas por causa disso. A verdade é que tanto o calor como o frio dão tesão. As temperaturas intermédias também. É como a cor da capa do toureiro: é irrelevante. O que irrita o touro é haver ali um homenzinho de lantejoulas aos gritos e saltinhos.

No entanto, o tesão do calor é indolente; é uma Maria-vai-com-as-outras. O sol bate na braguilha e a ideia logo se forma na cabecinha. Para mais, andamos todos nus e os anúncios têm sempre beldades risonhas a brincar com mangueiras e cerejas.

Já este frio é amigo de um tesão mais indómito. Criando-se contra os elementos, debaixo de escorregadios edredons, parece rir-se da massa de ar polar que procura cercá-la. Tem algo de Jack London; das taigas.

Os enrolanços a esta temperatura produzem o mais aconchegador de todos os calorinhos humanos. Levanta-se um pouco a tenda de lençóis e cobertores e é um prazer (e uma recompensa) soltar umas ondinhas do efeito-estufa no seu melhor.

Onde dantes havia só frio e gelo - aqueles plantígrados e ungulados pés com que me alcançaste foram recuperados de algum mamute? - existe agora um quentinho sustentável e amigo do ambiente, a que os ingleses chamam afterglow e a que nós deveríamos chamar arrebol.

A suadeira pós-enroladeira do Sul e do Verão e do Chico Buarque bem pode esperar.» [Público assinnates]

Parecer:

Por Miguel Esteves Cardoso.

Despacho do Director-Geral do Palheiro: «Afixe-se.»

JÁ HÁ PROBLEMAS POR CAUSA DAS FONTES DA PRESIDÊNCIA

«A Presidência da República rotulou ontem de "absolutamente falsa e totalmente destituída de fundamento" a acusação de Mário Crespo sobre fontes presidenciais que, no entender do jornalista, fazem veicular notícias sobre as intenções de Cavaco Silva para, mais tarde, desmenti-las.
De acordo com uma carta de Belém enviada ao CM, as declarações de Mário Crespo no programa ‘Nós por Cá’, da SIC, foram 'extremamente graves e lesivas do bom nome de uma instituição da República, bem como da honra de todos quanto nela trabalham'.»
[Correio da Manhã]

Parecer:

A verdade é que com ou sem o consentimento do Presidente da República a já famosa "fonte da Presidência da República" tem intervindo na vida política portuguesa.

Despacho do Director-Geral do Palheiro: «Informe-se os senhores da Casa Civil da Presidência da República que quem não quer ser urso não lhe veste a pele.»

TANTO ARTIGO POR CAUSA DO COLAR DO PROCURADOR

«Ora aqui vai: "Ao abrigo dos nº 1 e 2 do artigo 90º do Estatuto do Ministério Público, aprovado pela Lei nº 47/86, de 15 de Outubro, e alterado pelas Leis nº 2/90, de 20 de Janeiro, 23/92, de 20 de Agosto, 10/94 de 5 de Maio, 33-A/96, de 26 de Agosto, e 60/98, de 27 de Agosto, conjugado com o nº 2 do artigo 18º do Estatuto dos Magistrados Judiciais, aprovado pela Lei nº 21/85, de 30 de Julho, alterada pelo Decreto-Lei n º 342/88, de 28 de Setembro, pelas Leis nº 2/90, de 20 de Janeiro, 10/94, de 5 de Maio, 44/96, de 3 de Setembro, 81/98 de 3 de Dezembro, 143/99, de 31 de Agosto, 3-13/2000, de 4 de Abril, 42/2005, de 29 de Agosto, 26/2008, de 27 de Julho, 52/2008, de 28 de Agosto, e 63/2008, de 18 de Novembro, manda o Governo, pelo ministro da Justiça, que seja aprovado o modelo do colar para uso em ocasiões solenes do procurador-geral da República."» [Correio da Manhã]

Parecer:

É mesmo para rir.

Despacho do Director-Geral do Palheiro: «Dê-se a competente gargalhada.»

MANUELA FERREIRA LEITE ENCOMENDA ESTUDO DE IMAGEM A ESPANHA

«Manuela Ferreira Leite está preocupada com a "imagem" do partido. Por isso, a líder do PSD, encarregou a secretaria-geral de preparar uma sondagem interna, em que os militantes devem "caracterizar a imagem do partido". A sondagem ficará a cargo da empresa espanhola de tratamento de dados ODEC, que irá inquirir militantes aleatoriamente.» [Diário de Notícias]

Parecer:

Santos da casa não fazem milagres.

Despacho do Director-Geral do Palheiro: «Pergunte-se a MFL se não acha que a imagem é tão má que dispensa estudos.»

UM GOVERNADOR CIVIL MUITO OCUPADO

«O Ministério Público está a analisar a legitimidade da acumulação de funções do governador civil de Vila Real, António Martinho, como presidente da comissão instaladora do Pólo Turístico do Douro e candidato à liderança daquela estrutura nas eleições de hoje, soube o DN junto de fontes ligadas ao processo.» [Diário de Notícias]

Parecer:

Há por aí muita fome encoberta...

Despacho do Director-Geral do Palheiro: «Sugira-se ao governador civil que se demita dos dois cargos.»

PRESIDENTES DE CONSELHOS EXECUTIVOS ADMITEM DEMISSÃO

«Os cerca de 100 presidentes de escolas que se vão reunir amanhã em Santarém estão a planear demitir-se em bloco como forma de protesto contra a avaliação dos professores. Ao que o DN apurou, os líderes dos conselhos executivos vão discutir esta hipótese por considerarem que as novas regras da avaliação, introduzidas com o simplex, lhes criou mais pressão e tornou intranquilo o ambiente nas escolas.» [Diário de Notícias]

Parecer:

Que se demitam.

Despacho do Director-Geral do Palheiro: «O ministério da Educação que nomeie comissões administrativas.»

BPN COMPROU COLECÇÃO EGÍPCIA FALSA

«A colecção de arte egípcia que o BPN comprou por 5 milhões de euros integra peças falsas e outras de antenticidade muito duvidosa, disse à Lusa o director do Museu Nacional de Arqueologia, Luís Raposo.

"O que lhe posso dizer, através dos contactos que fiz e das fotografias que vi dessa colecção, e sobretudo do relatório da conservadora do Museu Nacional de Arqueologia que encarreguei de estudar o assunto, é que tenho a convicção absoluta e noutros casos a certeza, de que são peças na maior parte falsas, não são autênticas", afirmou à Lusa Luís Raposo.» [Diário Económico]

Parecer:

Parece que os senhores do BPN não fizeram um único negócio bem feito.

Despacho do Director-Geral do Palheiro: «Pergunte-se a Dias Loureiro se participou no negócio.»

FORAM CONGELADOS OS BEM DE OLIVEIRA E COSTA E DA "EX-" MULHER

«José Oliveira Costa, ex-presidente do Banco Português de Negócios, tem os seus bens arrestados por ordem do tribunal. De acordo com a TVI, o Tribunal Cível da Comarca de Lisboa decidiu também congelar os bens da sua ex-mulher.» [Jornal de Negócios]

Parecer:

Enfim, uma notícia típica de um dia frio.

Despacho do Director-Geral do Palheiro: «Dê-se conhecimento aos interessados.»

O PRESIDENTE DA JUNTA TINHA RAZÃO

«Um autarca de Paredes de Coura insurgiu-se esta sexta-feira contra a decisão do tribunal local de mandar em liberdade um «profissional de furtos de carros», que a primeira coisa que fez mal saiu do edifício foi roubar-lhe o carro.

«A polícia levou-o ao tribunal pelo furto de um carro no Gerês. No final, a juíza mandou-o embora, dizendo-lhe para lá voltar dali a 15 dias. Ele parece que logo disse que precisava de um "coche" para andar. E, mal saiu, viu o meu a jeito e levou-o», contou, à Lusa, o presidente da Junta de Freguesia de Resende. » [Portugal Diário]

Parecer:

É uma pena que o carro não pertencesse a um juiz.

Despacho do Director-Geral do Palheiro: «Dê-se a competente gargalhada.»

CASO ESMERALDA: ANOS DEPOIS CUMPRIU-SE A DECISÃO JUDICIAL

«O tribunal de Torres Novas conferiu hoje a guarda definitiva da menor Esmeralda Porto ao pai, Baltazar Nunes, fazendo cumprir uma decisão judicial de Julho de 2004 que já fora confirmada pelo Supremo Tribunal de Justiça, disse fonte judicial.» [Público]

Parecer:

Finalmente.

Despacho do Director-Geral do Palheiro: «Aprove-se a decisão do tribunal.»

E"EXTREME WEATHER" [imagens]

PETER LANE

Õ NOVO CARRO MADE IN CHINA

ALKA-SELTZER

sexta-feira, janeiro 09, 2009

Post num dia de falta de inspiração

Salada de Frutas - Se cá nevasse:

Umas no cravo e outras na ferradura

FOTO JUMENTO

Assembleia da República

IMAGEM DO DIA

[Reuters]

«A passenger boards a train through a window at a railway station in Changzhi, Shanxi province, China» [Telegraph]

JUMENTO DO DIA

Paulo Rangel, líder parlamentar do PSD

Toda a gente sabe que a proposta do CDS chumbou porque mais de trinta deputados do PSD se baldaram, da mesma forma que foi evidente que a moção agora apresentada pelo PSD apenas visava limpar a face de um partido que anda a reboque da realidade e nos momentos importantes está, de uma forma ou de outra, ausente. Só lembraria ao diabo dizer que a moção do PSD visava salvar o ano lectivo, o líder parlamentar do PSD encontrou o argumento mais ridículo para encobrir a sua própria incompetência no exercício do cargo.

UM DEBATE ENTRE MANUELA FERREIRA LEITE E SÓCRATES?

Numa democracia o debate é a forma privilegiada de discutir ideias, é por isso mesmo que o parlamento está no seu centro. Se assim não fosse bastaria recorrer ao voto electrónico, os deputados nem teriam de se deslocar à Assembleia da República pois poderiam votar a partir de casa, não interrompendo o "trabalho político" que os leva a ausentarem-se tantas vezes.

É evidente que nas campanhas eleitorais os debates não podem ser parlamentares, está em causa saber o que os futuros deputados têm para propor. Nem está em causa discutir as propostas do primeiro-ministro, mas sim discutir as propostas feitas por vários candidatos a primeiro-ministro, neste caso faz todo o sentido a realização de debates entre os candidatos.

E entre eleições, faz sentido um debate entre um primeiro-ministro e um candidato a primeiro-ministro? Numa situação de crise em que o país enfrenta uma situação anormal pode fazer sentido, ainda que nestas ocasiões os cidadãos esperem mais decisões do que conversa fiada, veja-se o que sucedeu com Guterres que dava prioridade ao diálogo, os cidadãos penalizam mais o excesso de diálogo do a decisão.

Poder-se-ia questionar se perante a crise actual o país deveria parar um pouco para ver as respostas do primeiro-ministro e as propostas da líder do menos pequeno partido da oposição. Isto é, o país saberia o que faria Manuela Ferreira Leite daqui a nove meses, depois de a crise ter-se desvanecido, com o que o primeiro-ministro terá de fazer agora no uso da legitimidade democrática. De pouco serviria o debate até porque Manuela Ferreira Leite tem dado várias entrevistas a televisões, o mesmo sucedendo com José Sócrates.

Mas qual a vantagem de sabermos o que Manuela Ferreira Leite tem a dizer? Toda a gente sabe que há um grupo de experts a decidir o que ela vai pensar daqui a uns meses, até foi notícia o abandono de Sampaio e Mello da liderança da sua equipa de pensadores. A estratégia de Manuela Ferreira Leite tem sido a do silêncio, nunca assumindo o risco de intervir quando mais se espera saber o que pensa, sucedeu com os camionistas, com os pescadores, com os professores e até com a actual crise financeira. Todos a ouvimos dizer que não faz propostas por receio de Sócrates as copiar.

Se as propostas de Ferreira Leite são secretas, se ela só aparece em público quando lhe convém e se a sua estratégia é a da ausência e a do silêncio para que serviria um debate? Como é óbvio do ponto de vista dos interesses do país não serviria de nada, é Manuela Ferreira leite que depois de mais uma ausência prolongada se lembrou deste expediente para recuperar a sua própria imagem. O que a líder do PSD quer não é discutir os problemas do país, é usar o debate para resolver os seus próprios problemas, para superar a crise a que conduziu o PSD.

Ora, não faz muito sentido que um primeiro-ministro ajude uma líder incompetente a resolver os seus próprios problemas à custa do país. Sócrates não tem culpa de Ferreira Leite ser aconselhada por Pacheco Pereira, de ter um grupo parlamentar escolhido por Santana Lopes (escolhido para afundar o PSD nas autárquicas), de ter um líder parlamentar que nem para director de turma parece ter autoridade.

CRÉDITO OU USURA ?

Vejo um anúncio da Capital + e apesar das letras pequenas e do tempo disponível consigo ler que a TAG do seu crédito varia entre 19,13% e 28,61%. Com a actual taxa de redesconto do Banco Central Europeu cobrar mais de um quarto do empréstimo em juros líquidos não é crédito, é usura.

Não admira nada que em tempos de crise a Capital + faça tanta publicidade, é agora que muita gente está com a corda ao pescoço e não tem condições para discutir as condições impostas pelos bancos.

Recorde-se que a Capital + resulta de uma parceria entre a Unicre (IFIC - Instituição Financeira de Crédito, S. A.) e a GE Consumer Finance. Ou seja, os tais bancos que recorrem a avales do Estado para conseguirem condições mais favoráveis no acesso ao financiamento vão depois cobrar taxas absurdas aos cidadãos mais desesperados, mas para não sujarem a imagem recorrem à UNICRE para lançarem a Capital +.

OS PROFESSORES VÃO ENDURECER AS POSIÇÕES

Com a imagem de Mário Nogueira em queda livre e as eleições a aproximar-se era de esperar que o PCP encomendasse o endurecimento das posições. O Governo não deve ceder.

GONÇALO AMARAL CANDIDATO PELO PSD A OLHÃO

A escolha de Gonçalo Amaral revela duas coisas, que o PSD não tem projecto nem para o país nem para as autarquias e que o PSD de Manuela Ferreira Leite não difere muito ou mesmo nada do de Pedro Santana Lopes, como, aliás, o demonstra a escolha do próprio Santana Lopes para Lisboa. Tanto quanto se sabe Gonçalo Amaral nunca leu a mais pequena linha sobre gestão autárquica, nem sequer deve conhecer os limites do concelho de Olhão, foi escolhido pela notoriedade pública sem sequer se terem preocupado com o facto dessa mesma notoriedade ter resultado do maior falhanço da PJ.

Ou será que o PSD está a tentar influenciar a conclusão do julgamento que está a decorrer em que o próprio Gonçalo Amaral é acusado no caso da mãe da Joana?

NO AVANTE DESTA SEMANA

Jorge Messias, o redactor especialista em bater na Igreja Católica e no Banco Alimentar Contra a Fome, descobriu que o Afeganistão é um corredor para a passagem de petróleo:

«Bush, a CIA, o Pentágono e a Wall Street, cobiçavam (e cobiçam...) o petróleo do Próximo Oriente do qual a porta de entrada é o Iraque e o corredor central o Afeganistão.» [Avante]

O homem tem razão, as vias rodoviárias, os portos e os oleodutos são fundamentais para exportar o petróleo do Médio Oriente. Enfim, digamos que o Afeganistão fica entre o Médio Oriente e os países ocidentais, isto para os que viajam através dos Himalaias, uma conhecida importante rota das exportações de petróleo.

Cuidado ao usar gravata vermelha pois não basta ser benfiquista ou bracarense, nem mesmo adepto temporário do Manchester, a cor foi reservada pelo PCP:

«Mas lembro-me perfeitamente, isso sim, de que tinha o aspecto do costume nestes casos: ainda relativamente jovem de aparência, bem vestidinho, gravata. Vermelha a gravata, e até recordo de ter lembrado que as gravatas vermelhas parecem estar muito na moda, usadas por quem precisamente só na gravata opta por essa cor. » [Avante]

AVES DE LISBOA

Felosa-comum [Phylloscopus collybita]

AS VÍTIMAS DA CRISE

«Também relacionado com este escândalo, o New York Times tem uma notícia sobre o desaparecimento de uma banqueira austríaca - aparentemente estará escondida. "Perdas em Madoff e a 'mulher de Wall Street'" é o título sobre a história de Sonja Kohn, 60 anos, que controlava o Banco Medici, agora sobre administração do Estado austríaco. É que Sonja, filha de refugiados judeus da Europa do Leste que se mudaram para Viena após a II Guerra, investiu 2,1 biliões em Madoff, dinheiro em grande parte pertencente a oligarcas russos. Sonja era uma das pessoas que tinha acesso a Madoff, que não aceitava dinheiro de toda a gente, naquilo que hoje é visto como bom marketing, porque essa dificuldade criava mais desejo de investir. Mas agora Sonja tem medo dos russos.» [Diário de Notícias]

Parecer:

Por Manuel Queiroz.

Despacho do Director-Geral do Palheiro: «Afixe-se.»

MANUELA QUER DEBATER OS ERROS DE SÓCRATES COM O PRÓPRIO SÓCRATES

«A líder do PSD, Manuela Ferreira Leite, quer um debate público, televisivo, com o primeiro-ministro, sobre a política económica, "os erros das propostas do Governo e as alternativas que o PSD tem defendido para a recuperação do País". Mas José Sócrates já fez saber que recusa o convite. » [Correio da Manhã]

Parecer:

Pela forma manhosa a que ela própria recorre percebe-se o que pretende Manuela ferreira Leite, é recuperar à custa do protagonismo que conseguiria à custa de Sócrates. Manuela não quer debate nenhum, pretende apenas ter um argumento para usar. Depois do silêncio e de não propor nada Manuela Ferreira Leite pretende aproveitar-se do que se fez para recuperar a sua própria imagem. É aquilo a que se chama "favas depois do almoço".

Despacho do Director-Geral do Palheiro: «Sugira-se a Manuela Ferreira Leite que vá debater com Luís Filipe Menezes.»

PROFESSORES AMEAÇAM COM GREVES DE TEMPO INDETERMINADO

«Os professores vão endurecer as formas de luta contra as políticas do Ministério da Educação, em especial contra a avaliação e a divisão da carreira. E ameaçam com formas mais radicais de protesto, como greves mais prolongadas, por tempo indeterminado ou de zelo e ainda paralisações na altura das avaliações dos alunos. » [Diário de Notícias]

Parecer:

Que façam greve, veremos se conseguem "ganhar" as eleições ou sujeitarem-se a uma derrota humilhante.

Despacho do Director-Geral do Palheiro: «Pergunte-se ao Mário Nogueira se vai ser solidário com os colegas e prescindir do vencimento durante os dias de greve, ou se vai furar a greve.»

MÁRIO NOGUEIRA ASSEGURA QUE NÃO HÁ PENALIZAÇÕES

«"Quero dizer aos professores que não tenham medo porque não há nenhuma sanção disciplinar que lhes possa ser aplicada, nem aos professores nem aos conselhos executivos", garantiu anteontem o líder da Fenprof. Mário Nogueira classificou de "delírio" as "ameaças" de Jorge Pedreira. O secretário-geral da Fenprof voltou a apelar aos docentes para não entregarem os objectivos individuais até dia 19. » [Jornal de Notícias]

Parecer:

Seria ridículo se o incumprimento de uma obrigação por parte de um funcionário público não desse lugar a um processo disciplinar, Mário Nogueira está a ir longe demais, mais parece um ministro.

Despacho do Director-Geral do Palheiro: «Pergunte-se ao Mário Nogueira se já mandou publicar o seu despacho no Diário da República ou se sai em anexo ao Avante.»

PORTUGAL APROXIMOU-SE DA EUROPA

«A economia da Zona Euro recuou 0,2 por cento no terceiro trimestre de 2008 face ao anterior, entrando em recessão pela primeira vez na sua história, de acordo com as segundas estimativas publicadas esta quinta-feira pelo Eurostat.

No caso de Portugal, as segundas estimativas do Eurostat revêem em baixa os valores do terceiro trimestre de 2008, dando conta de uma contracção de 0,1%, quando os dados divulgados em Dezembro apontavam para um crescimento nulo.» [Portugal Diário]

Parecer:

Pouco, em crise mas estatisticamente verdade.

Despacho do Director-Geral do Palheiro: «Dê-se conhecimento a Cavaco Silva.»

PROFESSORES: O PROJECTO OPORTUNISTA DO PSD FOI CHUMBADO

«O PS chumbou hoje os projectos do PSD, Bloco de Esquerda e “Os Verdes” para suspender a avaliação dos professores, com os votos favoráveis de todos os partidos da oposição parlamentar. O documento social-democrata contou com a abstenção dos socialistas Manuel Alegre, Teresa Portugal, Júlia Caré, Eugénia Alho e da independente socialista Matilde Sousa Franco, com 114 votos contra e 109 a favor.» [Público]

Parecer:

Manuela Ferreira Leite pode estar descansada, os professores esqueceram-se da bandalheira dos seus deputados na votação do projecto do CDS e ainda pode sonhar com meia dúzia de votos de professores arrependidos de terem votado no PS.

Despacho do Director-Geral do Palheiro: «Dê-se conhecimento da votação a Manuela Ferreira Leite.»

BANDALHICE NOS CONCURSOS PÚBLICOS TAMBÉM CHEGA ÀS CÂMARAS

«Na reunião do Conselho de Ministros de 30 de Dezembro foi aprovado um projecto de decreto-lei que previa medidas excepcionais no âmbito do Código dos Contratos Públicos - alargamento dos valores para ajustes directos e prazos mais curtos de tramitação. Hoje, o assunto volta à reunião do Conselho de Ministros, mas agora com o âmbito mais alargado, como confirmou o PÚBLICO junto da presidência do Conselho de Ministros: as câmaras vão ser abrangidas por estas medidas. A Associação Nacional de Municípios (ANMP) já enviou um parecer ao executivo.A 30 de Dezembro, o conselho de ministros discutiu um regime excepcional para vigorar durante dois anos, com o objectivo de "reanimar a economia", possibilitando a rápida execução dos projectos de investimento público considerados prioritários. » [Público assinantes]

Parecer:

Está-se mesmo a ver quais vão ser as consequências. A reanimação da economia vai encher os bolsos a muita gente.

Despacho do Director-Geral do Palheiro: «Crie-se um observatório par monitorizar os casos de corrupção nestes concursos.»

GEORGE BUSH PRESO POR BATER EM LADY DIANA

«El pasado día de Reyes la Policía Nacional detuvo en la capital malagueña a George Bush por presuntos malos tratos a Lady Diana.

La víctima, una ecuatoriana de 27 años que responde al nombre de Lady Diana N. H., acudió a la policía para interponer una denuncia ese mismo día y relató que su marido, David George Bush, inglés de 44 años, le había insultado y golpeado. » [20 Minutos]

INDÚSTRIA DA PORNOGRAFIA DOS EUA TAMBÉM QUER PLANO CONTRA A CRISE

«Joe Francis y Larry Flynt, dos de los principales empresarios de la pornografía de Estados Unidos, pidieron este miércoles al Gobierno que ayude a su sector, dado que a su juicio la recesión ha actuado como "una ducha de agua fría nacional".

Para recuperarse del bajón, Francis, director del programa de televisión y la revista Girls Gone Wild ("Chicas salvajes"), y Flynt, el editor de la publicación Hustler, solicitaron al Congreso 5.000 millones de dólares para los acicates del deseo.» [20 Minutos]

ROUBARAM 600 TÉNIS DO PÉ ESQUERDO

«Seiscientas zapatillas, todas del pie izquierdo, fueron robadas cerca del Mercado Modelo de Huancayo. Dos comerciantes las habían dejado apenas unos instantes en la puerta de un hospedaje, mientras descargaban el resto de su mercadería.» [El comercio]

AC

RETOQUES FEITOS COM PHOTOSHOP

«La fotografía ya no es lo que era, el famoso programa de edición de imágenes Photoshop es capaz de eliminar granos, reducir michelines, crear puestas de sol artificiales y realizar mil y un artificios más que parecen casi mágicos.

Sin embargo, el mal uso y el abuso en ocasiones tornan las aspiraciones a maravilla en pesadillas: rostros irreales, figuras desproporcionadas, contornos chirriantes... En el blog Mangas Verdes se han hecho eco de algunas de las manipulaciones con Photoshop más chapuceras del año.» [20 Minutos]

ALS ASSOCIATION